-

Restaurante de São Paulo usa 'supertecido' nas mesas que acaba com a ameaça do coronavírus

Italiano Così aposta no produto feito com partículas de prata também para uniformes e máscaras da equipe

Da redação - Publicado em 15/07/2020, às 12h00

Na lista das estratégias de segurança no retorno dos restaurantes, que reabrem após meses de paralisação, uma casa de São Paulo chama a atenção apostando na tecnologia de um novo tecido que será usado das toalhas de mesa aos uniformes e máscaras da equipe de atendentes do salão.

No bairro paulistano de Santa Cecília, o Così anuncia que optou por trabalhar com o tecido Delfim-Protect, desenvolvido no Brasil pela indústria têxtil Delfim, em parceria com a startup Nanox. Através da nanotecnologia, segundo a empresa, o produto é capaz de matar fungos, bactérias e vírus como o Covid-19 em menos de dois minutos, por meio do contato.

LEIA MAIS 

» Jantar na rua para milhares de pessoas comemora fim do confinamento em Praga

» Os Beatles estão vivos no menu musical (e psicodélico) do chef Massimo Bottura

 

 

O 'supertecido' de poliéster foi desenvolvido com o auxílio de médicos infectologistas, impermeável e com propriedades bactericidas, através de micropartículas de prata capazes de inativar o vírus. Nos testes de laboratório, eliminou 99,9% do novo coronavírus em dois minutos.

Praticando a gastronomia italiana, o Così anuncia que o tecido está sendo utilizado para a produção de 120 toalhas, além de aventais e máscaras das equipes de cozinha e salão.

 

» Receba as notícias da SABOR.CLUB diretamente no Telegram clicando aqui  

 

>Você sabia que a revista Sabor.club tem também o Clube Sabor.club? Ele é o 1º clube de descobertas gastronômicas do Brasil. Para conhecer, clique aqui.