O passe vite é usado na preparação de legumes e outros alimentos -

O passe vite é usado na preparação de legumes e outros alimentos

Passe vite: o objeto indispensável na cozinha francesa

Você até pode tentar substituir, mas nada se compara a ação do passe vite – sabe-se lá porque, pouco usado no Brasil

Da redação - Publicado em 21/06/2019, às 15h00

[Colocar Alt]

Não há casa francesa que não tenha um passa-ligeiro. Quando foi lançado, em 1932, foi definido como um “filtro que de ação rápida para legumes e outros alimentos”. Basicamente é isso mesmo: com três peneiras e furos de diâmetros diferentes, ele tritura, espreme e sepera sementes, pele, cascas. Tem mais: como é manual, a intensidade como você usa determina a textura do resultado final. Faça um purê de batatas num passe vite e comprove. É incomparável. Basta colocar manteiga e há quem diga que você terá o melhor da sua vida. O mesmo vale para um molho ao sugo.

A engenhoca foi criada pelo belga Victor Simon mas aperfeiçoada e popularizada pelo francês Jean Mantelet, o professor Pardal da cozinha moderna. Ele é o homem por trás da legendária Mouli, a empresa que, durante décadas, lançou inúmeros artefatos no mercado, com o slogan “libére la femme” (libera a mulher). As campanhas diziam que os produtos lhes facilitavam a vida, mas, no fundo, passava a ideia para os maridos delas que a felicidade do casal passava pela compra dos produtos, que eram dados de presentes. Só entre 1933 e 1935 foram vendidas 2 milhões de unidades do passe vite.

Le professeur Pardal!

Jean Mantelet é o maior inventor da história da cozinha

[Colocar Alt]

A lâmpada vivia acesa sobre a cabeça dele. Entre 1929 e 1953 registrou 93 patentes entre moinhos para ralar, corta legumes e o primeiro moedor de café elétrico, o Moulinex, que deu nome para a sua própria empresa, sinônimo de eletrodoméstico na Europa até hoje. Mantelet morreu em 1991 e ganhou obituário na capa do The New York Times.

 

*Esta reportagem foi publicada originalmente na revista Sabor.club #27, que está na melhores bancas por todo Brasil. E também na banca digital www.zinio.com. Ou assine clicando aqui  sabor.club/assine.

Leia também