Empresa recria a experiência de jantar no Titanic -

Empresa recria a experiência de jantar no Titanic

Empresa realiza jantar inspirado no Titanic

O mais luxuoso jantar do Titanic ganha reedição com champagne da época em que o navio afundou

Da redação - Publicado em 17/06/2019, às 13h00

“Eu sou o rei do mundo”

É provável que a inesquecível frase dita por Leonardo Di Caprio no filme Titanic não saia da cabeça dos nove clientes da Cookson Adventures, companhia inglesa especializada em viagens extraordinárias.

O mais novo roteiro, em julho, levará os viajantes até o ponto onde afundou o então mais luxuoso navio do mundo, em 14 de abril de 1922, depois de colidir num iceberg. Lá, mergulhadores profissionais conduzirão os viajantes até o naufrágio, onde farão um tour submerso.

Leia também:

Game of Thrones inspira jantar especial

Empresa recria jantar baseado no Titanic

A receita do cannoli de O Poderoso Chefão

 

A aventura termina com um jantar com os 11 cursos servidos na noite da tragédia. Ele foi o último e mais luxuoso da viagem, uma vez que o Titanic estava a horas de chagar ao seu destino, o porto de Nova York. A comida, diga-se, era um dos trunfos da White Star Lines (construtora e dona do navio), a primeira a mimar os tripulantes com cardápios suntuosos – característica de viagens marítimas, desde então. O transatlântico tinha três cozinhas, que funcionavam 24 horas por dia, uma para cada classe. A maior delas era comandada pelo chef francês Pierre Rousseau (morto no acidente), que tinha 70 cozinheiros a sua disposição. Eles atendiam ao majestoso restaurante principal, com 970 metros quadrados, ricamente decorado, com serviço em porcelana chinesa e baixelas de pratas.

Na noite do fatídico jantar, elas receberam pratos como oysters a la russe (ostras frescas com molho de vodca, raiz forte, cebolinhas e limão) e o roast sirloan of beef forestière (filé mignon assado em peça com molho à base de cogumelos, vinho e cebolas. O cardápio foi encontrado no bolso de alguns passageiros. Eles eram impressos em papel-cartão muito espesso, para que fossem enviados como postais, pelo correio.

O menu assinalava também as bebidas servidas no banquete, entre elas o Heidsieck Gout Champagne 1907. Anos depois do acidente do Titanic, algumas garrafas foram encontradas no naufrágio de uma escuna sueca. Agora, esses mesmos exemplares serão servidos na glamorosa viagem da Cookson Adventures, cujo slogan deixa bem claro o serviço que ela propõe: “Memórias: o verdadeiro luxo que não tem preço”.

 

 

Leia também