A caiprinha é grande querindinha dos brasileiros quando o assunto é coquelateria  - Foto: Pixabay

A caiprinha é grande querindinha dos brasileiros quando o assunto é coquelateria - Foto: Pixabay

Dez dicas para fazer a caiprinha perfeita

O passo a passo para preparar uma caipirinha sem erros

Da redação - Publicado em 04/05/2019, às 12h00

1 - Caipirinha não é batida (feita em liquidificador ou coqueteleira). Deve ser montada no copo, na hora do consumo.

2 - Mexa antes de servir. A boa caipirinha é bem homogeneizada.

3 - O copo deve ter capacidade para 350 ml a 400 ml. Precisamos de espaço para compor as frutas com o gelo e com o destilado. Ele também ajuda a manter a bebida gelada até o último gole.

4 - O gelo deve ser cristalino e feito com água filtrada ou mineral, em cubos. Se triturar, lembre-se: ele derreterá rapidamente e batizará o seu drinque.

5 - Destilados: melhor se a cachaça for da branquinha. Se preferir, as envelhecidas, atenção para não perder o frescor e harmonizar as notas da bebida com as das frutas.

6 - Não amasse as frutas cítricas com força. Elas ficam amargas se fizer isto.

7 - Cuidado com ingredientes marcantes como hortelã, gengibre e manjericão: eles podem dominar o sabor da sua caipirinha.

8 - Usar um misturador é fundamental para homogeneizar e gelar a caipirinha.

9 - Para cortar as frutas bem fininho, não esqueça: a sua faca deve estar afiadíssima!

10 - Use raladores e laminadores para manusear frutas mais duras. Lembre-se: a aparência é um fator bem importante na caipirinha.

 

*Esta reportagem foi publicada originalmente na revista Sabor.club #25, que está na melhores bancas por todo Brasil. E também na banca digital www.zinio.com. Ou assine clicando aqui  sabor.club/assine.

Leia também