-

O queijo do sonhador

Feito com leite de vacas que chegaram ao Brasil de avião, o nosso Grana Padano é tão bom quanto o italiano

Da redação - Publicado em 11/06/2018, às 10h59

Seu Raul Anselmo Randon costumava dizer: “A qualidade sempre vence”. Foi a partir dessa máxima, uma entre as tantas que criava, que construiu um império de R$ 2 bilhões, cuja origem se dá numa pequena oficina mecânica, criada com o irmão Hercílio, em 1949. Eles não precisaram de muito tempo para transformá-la numa das maiores fábricas de carrocerias de caminhão, autopeças e implementos agrícolas do planeta, a Randon.

Foi quando o catarinense, que fez a vida em Vacaria, no Rio Grande do Sul, lançou mais uma das suas frases de efeito: “O transporte e a comida são as duas coisas que nunca vão acabar”. Assim entrou também no agronegócio e depois no mundo da gastronomia – coisa que adorava. Não raro, ele transformava as suas paixões em mais um meio de fazer dinheiro.

Numa das suas viagens à Itália, abraçou a ideia de um amigo de produzir um queijo inédito na América Latina, o Grana Padano. Para buscar a fórmula perfeita para o produto, dedicou-se à uma imersão profunda na fabricação do laticínio italiano e importou o que havia de melhor em termos tecnológicos, até descobrir que nada fazia sentido sem um leite de altíssima qualidade. Ok, que viessem da Holanda as famosas vacas de lá, para produzir o melhor produto possível por aqui.


Então, acompanhou de perto o longo período de maturação (no mínimo 12 meses) até ter um queijo de respeito, com aroma intenso, consistência granulada e firme – bem alinhado ao protocolo do original, da Bota.

Vacas no avião
Ninguém acreditou ao vê-las desembarcarde dois Boeings, em Porto Alegre

O ano era 1996 e Seu Raul Randon tinha pressa de começar a produzir o seu Grana Padano. Como precisava de leite de alta qualidade, comprou vacas holandesas e as conduziu da Europa para cá, via aérea. Diz a lenda que quem aguardava o desembarque dos passageiros no aeroporto Salgado Filho, na capital gaúcha, não acreditou ao ver centenas de animais cruzando a pista, rumo aos caminhões que as conduziriam à fazenda, em Vacaria. Hoje, o rebanho conta com 1.200 cabeças.

*O Gran Formaggio - RAR faz parte do Clube Sabor.club #8. Quer receber este e outros produtos cuidadosamante selecionados pela Sabor.club?  Assine aqui.